Hoje, vou responder uma das perguntas que mais recebo quando falo sobre tecnologia aqui na Me Poupe!: antivírus! Afinal, vale a pena pagar por ele, ou uma versão gratuita já dá conta de manter seu computador seguro? Continua lendo que eu te conto!

Por Fernando Jobs

Pra começo de conversa, você sabe o que é um antivírus?

Vou te explicar de um jeito bem simples: é um programa que roda o tempo todo, em segundo plano, no seu computador, e fica de olho pra garantir que não tem nada de errado. Ou melhor, que não tem outros programas tentando te prejudicar!

E, mesmo que você não consiga pensar em ninguém que queira roubar seus dados ou fazer seu computador ficar lento de propósito, não quer dizer que não tenha alguém tentando fazer isso. Afinal, esses ataques raramente são pessoais!

Por que ter um antivírus?

Agora, já pensou o que pode acontecer se alguém tiver acesso às suas senhas nas redes sociais, seu email e ao seu netbanking?

Além da dor de cabeça, você pode literalmente ter um baita prejuízo na sua conta bancária com roubos desses dados! E ainda tem o custo pra arrumar: se o estrago for grande e tiver que trocar o HD, um de 1 terabyte hoje está custando uns 360 reais. Por fim, se tiver que pagar um profissional, pode acrescentar mais 120 reais por hora de trabalho! Isso além de perder TUDO que tem na sua máquina.

O lado bom é que dá pra evitar todo esse problema! Então, é importante que TODO MUNDO tenha um antivírus instalado.

#PARATODOSVEREM: Nathalia Arcuri está sentada em um sofá com manta de listras brancas e pretas. Ao fundo, elementos adesivos brancos e pretos que remetem ao universo financeiro. Com as mãos levantadas, Nath diz “PRESTA ATENÇÃO”

E tem mais uma boa notícia: alguns computadores já vem com algum tipo de proteção instalado! Por exemplo, computadores que rodam a versão mais recente do Windows costumam vir com o Windows Defender, que até quebra um galho.

Mas quebrar um galho não é solucionar! Então, é bom ter uma segunda opção mais robusta pra garantir que tá tudo protegido mesmo.

Vale a pena pagar por um antivírus?

“Mas Jobs, eu preciso PAGAR por um antivírus pra isso?”

Não necessariamente! Depende do uso que você faz do computador. Olha só:

Se você costuma usar pra atividades básicas, como ver seu email, assistir os vídeos da Me Poupe! e passar um tempo nas redes sociais, uma versão gratuita deve dar conta do recado.

Mas, se você faz algo mais confidencial, que exija um cuidado maior com segurança, é melhor optar por uma versão paga. Pode ser o caso de quem faz muitas transações no netbanking, ou trabalha com algo muito sigiloso! Nesses casos, é melhor garantir uma proteção a mais, né?

Além disso, um antivírus pago recebe atualizações com mais frequência e realiza varreduras mais profundas nos seus arquivos atrás de possíveis ameaças.

Nathalia Arcuri levantando as mãos e dizendo "é justo"

#PRATODOSVEREM: Nathalia Arcuri levantando as mãos e dizendo “é justo”

E como escolher o antivírus?

Existe UM MONTE de antivírus por aí, e eu entendo se você tiver dificuldade pra escolher um. Mas tô aqui pra te ajudar a aprender a decidir!

A coisa mais importante que você precisa saber é o que você espera de um antivírus. Afinal, além das diferenças entre as opções gratuitas e pagas, eles podem oferecer outras funcionalidades diferentes! E, aí, é interessante saber quais dessas funcionalidades importam pra você.

Quer um exemplo? Muitos oferecem VPN, que é a sigla pra Virtual Private Network. Em português, significa “rede privada virtual”. Ou seja, nada mais é que uma forma de proteger sua identidade na internet: antes das suas informações caírem na rede, elas passam por um filtro de segurança.

Outra funcionalidade popular é o bloqueio de pop-up, que são aquelas janelas com propagandas que aparecem em alguns sites, e anúncios. Portanto, se isso te incomoda, pode buscar um antivírus que tenha essa funcionalidade.

Uma outra função que pode ser muito útil é o gerenciador de senhas. Afinal, ele funciona pra concentrar todas as suas senhas no mesmo lugar com total segurança. Além disso, se você tem dificuldades pra criar senhas fortes, um bom gerenciador também pode ajudar!

Essas são só algumas das funcionalidades que podem fazer valer a pena ou não o investimento em um antivírus pago. Por isso, é importante que você pesquise bem e compare as opções pra escolher o melhor pra você!

#PARATODOSVEREM: Nathalia Arcuri fazendo ‘joinha’ com as duas mãos e falando ‘Beleza’

Cuidados no dia a dia

Ah! Uma coisa muito importante: mantenha SEMPRE seu antivírus atualizado. Isso vale tanto se você optou por um antivírus pago ou gratuito. Afinal, é a melhor forma de garantir que ele tem as informações mais recentes pra combater possíveis ameaças no seu computador.

Além disso, faça varreduras completas com uma certa frequência, pelo menos umas duas vezes por mês. Essas varreduras costumam ser mais demoradas, porque o antivírus vai checar cada coisinha que existir no seu computador, como se fizesse uma faxina bem pesada. Mas são importantes pra garantir que tá tudo certinho.

Você sabia que um antivírus podia fazer tudo isso?! Me conta nos comentários, e aproveita pra me dizer também se você já usa algum e se é a versão gratuita ou paga.

Até a próxima, e lembre-se: prevenir é melhor que remediar!